Ciências Económicas e Empresariais

Gestão

Termo: Diagrama de Pareto

(com o apoio de PCNunes - Consultoria e Contabilidade)

Autor: Paulo Nunes

Data de criação: 05/06/2008 ; última alteração: 05/02/2011

Contributos: Este verbete não recebeu quaisquer contributos. Se é especialista nesta matéria e acha que pode melhorar esta página contacte-nos para o nosso mail: knoow.net@gmail.com.

Resumo: O Diagrama de Pareto constitui uma das ferramentas utilizadas no controlo de qualidade e foi inicialmente...  ver mais

Palavras chave:  centro de responsabilidades

 

Diagrama de Pareto

| A | B | C | D | E | F | G | H | I | J | K | L | M | N | O | P | Q | R | S | T | U | V | W | X | Y | Z |

Conceito de Diagrama de Pareto

O Diagrama de Pareto constitui uma das ferramentas utilizadas no controlo de qualidade e foi inicialmente definido pelo guru da qualidade Joseph Juran em 1950. Na sua base está o Princípio de Pareto que refere que um pequeno número de causas (geralmente 20%) é responsável pela maioria dos problemas (80%). A grande aplicabilidade deste princípio à resolução dos problemas da qualidade reside precisamente no facto de ajudar a identificar o reduzido número de causas que estão muitas vezes por detrás de uma grande parte dos problemas que ocorrem. É na detecção dos 20% de causas que dão origem a 80% dos efeitos que o Diagrama de Pareto se revela uma ferramenta muito eficiente. De facto, o Diagrama de Pareto diz que, em muitos casos, a maior parte das perdas que se fazem sentir são devidas a um pequeno número de defeitos considerados vitais (vital few). Os restantes defeitos, que dão origem a poucas perdas, são consideradas triviais (trivial many) e não constituem qualquer perigo sério. Uma vez identificados os vital few, dever-se-á proceder à sua análise, estudo e implementação de processos que conduzam à sua redução ou eliminação.

 

Apresentação gráfica do Diagrama de Pareto

Na construção do Diagrama de Pareto é utilizado um gráfico de barras e linhas, em que nas barras são apresentadas as frequências das ocorrências por ordem decrescente e na linha as frequências acumuladas. Através deste diagrama é possível observar o contributo das principais causas para determinado acontecimento. 

 

Traduzido para inglês por Susana Saraiva, especialista em traduções Português-Inglês e Inglês-Português. Contacto: spams@sapo.pt